Sites Grátis no Comunidades.net
Translate this Page
Votação
Qual sua nota para este site?
Ótimo
Bom
Regular
Ruím
Ver Resultados

Rating: 2.9/5 (5010 votos)




ONLINE
1





Partilhe este Site...



Últimas  Notícias


 

Seita ou Religião?

 

 


 

Valdir Camilo da Silva, Testemunha de Jeová, palestra sobre "Depressão". Assista aos vídeos:

Vídeo 1


 Vídeo 2

Vídeo 3

Último vídeo



 

Clique

site oficial das Testemunhas de Jeová está de cara nova

Juntamos nossos três sites oficiais num sóLeia mais sobre o novo formato. 


 

 foto

Clique↓
Um novo local para a sede mundial das Testemunhas de Jeová

Desde 1909, a sede está localizada em Brooklyn, Nova York. Por que estamos mudando para o norte do Estado de Nova York?


 

Clique↓

slogan


 

Clique ↓

slogan

 


 

DÚVIDAS?↓

contato

 

 


CLIQUE↓

Bíblia online

 

 


 

CLIQUE↓

ROLOS

 Matéria pronta! Sorriso Clique na imagem!

 


Como anda os Líderes evangélicos? Confira o vídeo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 

Últimas Notícias

Coréia do Sul

Em 25 de outubro de 2012, o Comitê de Direitos Humanos das Nações Unidas decidiu que a Coreia do Sul tem a obrigação . . .leia mais


 

Siclone

Em dezembro de 2012, o ciclone Evan causou destruição em Fiji e Samoa. Os escritórios das Testemunhas de Jeová nesses países estão coordenando a ajuda humanitária. Leia mais


 

Construções

Na Austrália, as Testemunhas de Jeová foram elogiadas por causa da excelente segurança em suas construções. Saiba mais


 

incêndios

Incêndios na Tasmânia

11 DE JANEIRO DE 2013 | AUSTRÁLIA

Temperaturas altíssimas nunca antes registradas provocaram incêndios na ilha-estado australiana da Tasmânia. Esses incêndios arrasaram o vilarejo de Dunalley . . . Veja mais . . . 


 

deslizamento

Na primeira semana de janeiro, fortes chuvas causaram enchentes e deslizamentos de terra no Estado do Rio de Janeiro, Brasil, deixando mais de 3 mil desabrigados. As Testemunhas de Jeová relatam que . . . Leia mais

 


 



Total de visitas: 389006
Adultério e o Corpo da Congregação
Adultério e o Corpo da Congregação

Jesus alertou seus ouvintes, ou até mesmo a seus discípulos, sobre o ato grave de adulterar.foto

"Ouvistes que se disse: ‘Não deves cometer adultério'", disse ele. Jesus não estabeleceu esta proibição, ele citava de uma ordem dada de seu Pai, Jeová Deus, registrarda em Êxodo 24:14. Seria adultério apenas atos físicos, ou Jesus alargou mais a amplitude disso? Sim, Jesus foi mais além de apenas o ato físico. Veja como ele diz: "Mas eu vos digo que todo aquele que persiste em olhar para uma mulher, a ponto de ter paixão por ela, já cometeu no coração adultério com ela." (Mateus 5:28). A lei que Jeová deu lá nos dias de Moisés não está obsoleta, tanto é que Jesus  valorizou-a mais ainda, incluindo adulterar em pensamentos. Isto ele fêz para incutir em seus ouvintes o quão é grave o adultério. Mediante a Lei Mosaica, o adúltero era sentenciado à morte, mas hoje esta lei não tem o mesmo vigor igual era com o Israel, povo pactuado com Jeová. A lei em si é igual, mas a sentença não. É claro que a pessoa que cometer adultério hoje, têm uma nova chance de ser perdoado. Mas para um servo de Deus que já tem a verdade, que já sabe o que é certo e o que é errado, que peca deliberadamente, para este não há perdão. O seu fim é na Geena, assim como disse Jesus. Temos exemplos de pecadores que pecaram deliberadamente, e que foram banidos de diante da face de Jeová, sendo arrancado de entre o corpo da congregação, e não tendo mais uma nova chance de perdão. Um destes foi Judas Iscariotes, que depois de ter tido pleno conhecimento da verdade, cometeu um deslize deliberado, que o levou a ser condenado com a morte, sem a intervenção de Jeová. Judas não terá uma ressurreição. Assim, se alguém tem um pensamento errado, e está a alimentar este, deve fazer o que recomendou Jesus. Considere tal pretenção como se esta fosse um membro de seu próprio corpo, e arranque ele, custe o que custar. É melhor perdê-lo agora, do que mais adiante perder não só tal membro, mas todo o corpo:

"Se, pois, aquele olho direito teu te faz tropeçar, arranca-o e lança-o para longe de ti. Porque é mais proveitoso para ti que percas um dos teus membros, do que ser todo o teu corpo lançado na Geena. 30 Também, se a tua mão direita te faz tropeçar, corta-a e lança-a para longe de ti. Porque te é mais proveitoso perder um dos teus membros, do que todo o teu corpo acabar na Geena." - Mateus 5: 29, 30.

Judas foi apenas um exemplo de se pecar deliberadamente. É claro que ele não foi um adúltero e sua condenação foi por outro pecado. O adultério físico pode logo vir à tona e ser retirado o mal pela raíz. mas o adultério na mente da pessoa não se percebe logo, a pessoa consegue escondê-lo da congregação. Assim tem de haver a intervenção de Jeová para que este pecado venha a ser de conhecimento na congregação. Pode ficar escondido por bom tempo, mas não para sempre. E quando é descoberto, quer seja adultério físico ou adultério no coração, aplica-se o que Jesus recomendou, "arrancar tal membro do corpo". Não mais se aplica a lei mosaica com a morte instantânea, mas faz-se uma amputação do membro cortando-o do corpo e jogando-o para fora. Com esta ação, conforme salientou Jesus, salva-se o resto do corpo. Esta amputação é conhecida por "desassociação" do corpo da congregação, arrancando tal membro dela, excluindo-o de todos os outros membros do corpo.

Os que sofrem esta amputação apelam alegando ser um ato discriminatório por parte do corpo, a congregação. Mas isto se dá por não terem dado créditos às palavras do próprio Deus. Não acataram com respeito as leis de Jeová. Não se submeteram a sacrificar seus desejos pecaminosos, desconsiderando assim uma advertência divina. Ora, seria Jeová um discriminador? As leis são Dele, e ele ordena que se cumpram.

Em um edital de A Sentinela em uns anos atrás, foi colocado que não se usa mais matar um pecador, e estes dizeres serviram para a oposição cair em cima com pretestos errados. Quiseram colocar as Testemunhas de Jeová como se quisessem que aquela lei de eliminar o pecador, ainda vigorasse. Eu tenho grande lástima por estas pessoas opositoras! Eu sempre falo e torno a falar. Tais opositores não estão lutando contra as Testemunhas de Jeová, estão lutando com o próprio Jeová. E como eu também sempre falo, estão dando socos em ponta de facas, o que resulta em ferir-se a si mesmos.

"Quem comete adultério com uma mulher é falto de coração; quem faz isso, arruína a sua própria alma. Achará praga e desonra, e seu próprio vitupério não será extinto. Pois o furor dum varão vigoroso é ciúme, e ele não terá compaixão no dia da vingança. Não terá consideração para com nenhuma sorte de resgate, nem consentirá, não importa quão grande faças o presente."  

Sim, o varão vigoroso é Jeová, e no dia da vingança não haverá nenhuma sorte de resgate, não importa o quanto tal pecador tente fazer de bom para corrigir o erro, não terá perdão. O adultério é tão grave que se pode dizer ter a pessoa cometido dois delitos simultâneos, adulterar e idolatrar. E é isto o que diz as Escrituras Sagradas: "Amortecei, portanto, os membros do vosso corpo que estão na terra, com respeito a fornicação, impureza, apetite sexual, desejo nocivo e cobiça, que é idolatria." - Colossenses 3: 5.

É evidente que Jeová não permitiria tal membro no corpo, e assim sendo, faz-se o recomendado por Jesus:  Porque te é mais proveitoso perder um dos teus membros, do que todo o teu corpo acabar na Geena, e aplica a segunda ordem dele: “Outrossim, se o teu irmão cometer um pecado, vai expor a falta dele entre ti e ele só. Se te escutar, ganhaste o teu irmão. Mas, se não te escutar, toma contigo mais um ou dois, para que, pela boca de duas ou três testemunhas, todo assunto seja estabelecido. Se não os escutar, fala à congregação. Se não escutar nem mesmo a congregação, seja ele para ti apenas como homem das nações e como cobrador de impostos." -Mateus 18: 15-17.

As Testemunhas de Jeová aderem às ordens e leis de Jeová e nas admoestações que Jesus fêz mediante citações das leis de Deus. Além das leis expressas de Jeová, as Testemunhas acatam todos os princípios bíblicos, agindo assim de conformidade com a vontade de nosso Criador, Jeová Deus. A acusação de sermos discriminadores é supérflua e falsa, o que exige mais atênção nas Escrituras Sagradas por parte dos opositores, antes de saírem por aí difamando a congregação achando que é a esta que estão atingindo, ou atacando, mas não é a ela, é a Jeová Deus, e contra ele ninguém permanece de pé. É impossível vencer Jeová.